SÁBADO – 15/NOVEMBRO/2014

SaoJosePignatelliS. JOSÉ PIGNATELLI (1737-1811). Este jesuíta, nascido numa grande família de Espanha, trabalhou na restauração da Companhia de Jesus, dissolvida por Clemente XVI, em 1773.

SantoAlbertoMagnoSTO. ALBERTO MAGNO (1193-1280). Dominicano, Doutor da Igreja, bispo de Ratisbona e professor de filosofia e teologia nas universidades de Paris e de Colónia; S.Tomás foi o seu discípulo predilecto. Alberto tentava ainda, no estudo e oração, harmonizar as ciências na-naturais com as da revelação divina. Lefebre d’Etaples dizia serem Aristóteles, Salomão e Alberto os 3 maiores “génios” da humanidade. S. Pio XII declarou-o patrono dos cientistas.

3 João 5-8; Sal 111,1-6; Lucas 18,1-8

A ORAÇÃO, EXPRESSÃO DA FÉ (Luc.18,1-8). Nós não pedimos nada a quem não tivermos confiança. E ao contrário, estamos seguros de ser escutados e atendidos por uma pessoa que mereça a nossa confiança. É por acreditarmos em Deus Pai que lhE confiamos os nossos pedidos sem perder a coragem, com insistência, até com impertinência. Mas aceitaremos nós a pergunta de Jesus?: será que temos fé? Senhor, faço-Te hoje dois pedidos que Tu escutaste nos caminhos da Palestina: “Aumenta em nós a fé !” (Luc.17, 5), e “Vem em socorro da minha pouca fé !”(Marc.9, 24). Tu não podes negar-te a Ti mesmo, Tu “és” Aquele que não pode abandonar-nos.

“Meditações Bíblicas”, trad. dajes Irmãs Dominicanas de Notre-Dame de Beaufort (Supl. Panorama, Ed. Bayard, Paris). Selecção e Sìntese: Jorge Perloiro.