SÁBADO – 29/NOVEMBRO/2014

SaoRedentoDaCruzBTOS. DIONíSIO DA NATIVIDADE, REDENTO DA CRUZ e CC (638). Carmelitas descalços (o 1º belga, e o 2º o português Tomás Rodrigues Cunha (1598-1638), martirizados em Achém com mais 60 portugueses. Leão XIII canonizou-os (1900).

Apocalipse 22,1-7 ; Sal 94,1-7 ; Lucas 21,34-36

ESTAR VIGILANTES (Lucas 21,34-36). Jesus quer que sejamos sentinelas, vigilantes, à espreita dO Reino. A sua vinda não deve situar-se num futuro distante e inacessível mas no hoje dO Deus-connosco, O Emanuel. As celebrações que vamos realizar no final do Advento recordam-nos com muita força que, entre o nascimento de Jesus e o Seu regresso em glória, existirão sempre “umas vin-das intermédias”, que S.Bernardo gostava de chamar de “visitas dO Verbo” à alma, e que são tão súbitas como inesperadas. Peçamos a graça de todos os nossos irmãos e irmãs em humanidade viverem o fim do ano litúrgico em “estado de visitação”.

“Meditações Bíblicas”, trad. das Irmãs Dominicanas de Notre-Dame de Beaufort (Supl. Panorama, Ed. Bayard, Paris). Selecção e síntese: Jorge Perloiro.