SEGUNDA-FEIRA – 24/NOVEMBRO/2014

DecapitacaoDeSantoAndreDungLacSTO. ANDRÉ DUNG-LAC e CC (séc.XVIII e XIX). Preso em Hanoi em 1839, este padre vietnamita recusou pisar a cruz de Cristo e foi decapitado. Canonizado pelo papa S. João-Paulo ll em 1998, com outros 116 mártires do Vietname mortos pela fé durante os séculos XVIIIº e XIXº.

Apocalipse 14, 1-3. 4b-5; Sal 23, 1-6; Lucas 21,1-4

“UM CÂNTICO NOVO” (Apocalise 14,1-3.4b-5). Este “cântico novo” ressoa através do saltério, como o cântico do suplicante libertado por Deus de todas as provações que teve de atravessar. Cântico de louvor, cântico litúrgico que a assembleia retoma em festa, ele é, no Apocalipse, o cântico da grande liturgia que se desenrola no céu, para acolher O Cordeiro imolado a partir de agora vencedor, que recebe a glória de Deus. Cântico que une na mesma acção de graças as potências celestes, o mun-do de Deus e dos homens que sofreram por seguirem Cristo e permaneceram fiéis até à morte. Este cântico“novo” evoca a Aliança nova ou Testamento novo, como relação inaudita agora instaurada entre Deus e a humanidade, pelo amor de Cristo, vitorioso da morte.

OObuloDaViuvaO DINAMISMO DO AMOR E DA CONFIANÇA (Luc.21-1-4). Estamos no início da última semana do tempo comum e já paira no ar o perfume de um nascimento. Para prepararmos a vinda dO Emanuel, sigamos o exemplo desta viúva miserável que se aproxima do tesouro do Templo. Ela assemelha-se a uma figura de présépio, enrugada como uma maçã ressequida! Com um gesto simples, ela dá tudo o que possui, sem se preocupar com o amanhã. Deus providenciará… Abordemos, também nós, os dias que nos separam do Natal com confiança total na Sua misericórdia. Um menino estende-nos os braços: os braços de Deus feito homem.

“Meditações Bíblicas”, trad. das Irmãs Dominicanas de Notre-Dame de Beaufort (Supl. Panorama, Ed. Bayard, Paris).